quarta-feira, março 28, 2007

Chicken !


BnR Bet – Jornada 23

Estão abertas as hostilidades referentes à 23.ª jornada.
O prémio fixa-se agora nos 320 euros e ameaça não ficar por aqui. Posto isto, posta a tua aposta!

Tabela Classificativa BnR Bet – Jornada 22

Image Hosted by ImageShack.us



  • Na jornada 22 parece ter-se sentido uma brisa que prenuncia ventos de mudança. A brisa foi demasiado ligeira para derrubar o líder, mas Red Glock perdeu 20 pontos pela terceira jornada consecutiva e já não tem uma vantagem de 3 dígitos sobre o 2.º, que é agora Mad*Max. No 3.º posto temos a entrada directa do , que nunca ninguém tinha visto mais gordo.

  • Significa isto que Rolas perdeu o 2.º lugar, tendo sido atirado para a 8.ª posição, enquanto Luciano Rodrigues, vindo do 11.º posto, volta a aproximar-se do pódio, alojando-se num quarto com vista para os da frente.

  • Lá para baixo, a visão é humilhante: com a eliminação de 4 concorrentes, entre os quais um antigo pretendente à liderança, o cu da tabela é ocupado por 3 homens desta casa e pelo campeão em título. Ao que isto chegou.

  • Por falar em chegadas, a (fugaz) de DM a esta tabela significa que o prémio chegou aos 320 euros, e pode subir, se alguém tiver a sorte de descobrir um erro nesta tabela, que, como sempre, vale 5 euros ao autor da descoberta.

PS – Tabela emendada de acordo com os 2 primeiros comentários a este post, o que indicia que o prémio final poderá subir mais 10 euricos.

segunda-feira, março 26, 2007

Resumo Portugal - Bélgica

(Quando não se tem carteira de jornalista roubam-se imagens a outros blogs desportivos: obrigado Desportugal)


0’ – Moutinho acalma Ricardo, assegura que os assobios em Alvalade são mesmo para o hino belga. Reminiscências de lagarto.
1’ – Quaresma finta meia equipa belga.
3’ – Ronaldo finta a outra metade da equipa belga.
7’ – Quaresma remata.
9’ – Ronaldo remata.
14’ – Quaresma remata de trivela para grande defesa do “fala-barato”.
20’ – Ronaldo faz uma pedalada e remata para grande defesa do “fala-barato”.
27’ – Quaresma finta a metade da equipa belga que ainda não tinha humilhado.
36’- Ronaldo vira-se para o banco e reclama com Scolari.
39’ – João Moutinho faz andar o carrossel, os belgas já estão tontos.
41’ – Ronaldo, zangado, continua a reclamar com o banco português.
42’ – Scolari "enche o saco" e explica pela milésima vez a Cristiano que não vai nada atirar outra bola para o relvado, Ronaldo tem mesmo que partilhar aquela com Quaresma.
44’ – Ronaldo sofre falta para grande penalidade. Nuno Gomes penteia-se, pensa que, finalmente, vai tocar na bola. Azar, o penalty não é assinalado. Ronaldo tenta explicar ao árbitro o que se sucedeu, mas da maneira que fala inglês o árbitro só tinha uma solução, a amostragem do cartão amarelo.
45’ – Fim da primeira parte. Os jogadores recolhem aos balneários. Passado 5 minutos alguém da Federação Portuguesa de Futebol volta ao campo, deram pela falta de João Moutinho que ainda corria de um lado para o outro do campo, tentam explicar-lhe que pode parar uns minutos para descansar. João Moutinho recusa e mantém-se em campo.


46’ – Início da 2ª parte. O árbitro apita e pára o jogo. Manda Cristiano chutar a bola para fora de campo, a que está em jogo é a que está nos pés de Quaresma.
46’ – Ronaldo amua.
49’ – Um tal de Tiago faz um cruzamento, Nuno Gomes, isolado, falha. A maior parte dos espectadores no estádio interroga-se sobre quem saiu ao intervalo para entrar N. Gomes, depois de algumas conversas apercebem-se que ele, afinal, entrou a titular.
53´- Grita-se golo nas bancadas !! Ricardo, imediatamente começa a gritar com os seus companheiros da defesa dizendo que não pode fazer tudo sozinho e que a culpa não é dele. Jorge Andrade diz-lhe que o golo foi de Portugal e que estão a ganhar. Ricardo desculpa-se e diz que não sabia quem era o gajo de cabelo comprido que festejava, pensava que era um belga. Um a zero.
55’ – Quaresma tira um coelho da cartola e faz uma chapelada ao guarda-redes belga. Ronaldo, ainda amuado, corre e encosta a bola para a baliza. Grita : é meu, é meu! É golo de Portugal! Dois a zero.
58’ – O jogo pára para a equipa médica assistir um jogador belga, Scolari grita com Moutinho, diz-lhe que pode parar de correr, Moutinho recusa e faz uma recuperação de bola ao apanha-bolas.
65´- Os belgas falham uma oportunidade de golo, de baliza aberta. Algures na frente de ataque de Portugal ouve-se uma voz : “vêem, não sou só eu!”.
67’ – O treinador belga grita para dentro de campo : " Attention à la trivèle!!!". Os jogadores perguntam “Quoi?!”...
68’ – Goooooooooooooooooooooooooloooooooooooooooo de Quaresma. Três a zero.
69´- O árbitro apita 3 vezes e dá por encerrado o jogo. O público assobia, os belgas começam a sair acelerados em direcção ao balneário, as luzes do estádio apagam-se. A FPF queixa-se e pergunta o que se passa. O árbitro explica que depois do golo do cigano não suporta mais ver aquela humilhação, até ele - que é grego e viu a humilhação que passámos na final do Euro 2004 - diz que é desumano o que estão a fazer com os belgas.
70´- Scolari diz que se pode encontrar um compromisso. Promete deixar Hugo Almeida no banco, Nuno Gomes os 90’ e que mete F. Meira a trinco e Hugo Viana a número 10 para equilibrar o jogo.
71´- O árbitro diz que bastava deixar N. Gomes os 90’ mas, realmente, assim até os belgas tinham hipótese de marcar. O jogo recomeça.
73´ - Entretanto já tinha entrado Nani para o lugar de Quaresma. Os belgas perguntam-se que mal fizeram a Deus.
75’ – Golo !! Ronaldo faz o bailinho da madeira e diz ao “fala-barato” para ir buscá-la ao fundo das redes. Quatro a zero.
76’ – O árbitro avisa que se não pararem com isso o jogo acaba mesmo.
77’ – Scolari, assustado, mete Meira.
78’ – Só para ter a certeza, mete de seguida Hugo Viana.
81’ – Como resposta a Meira , os belgas metem Van Damme, pelo menos na pancada não perdem.
90’ – O jogo termina. Scolari pede a Petit para “ir buscar” Moutinho que continuava a correr atrás dos apanha-bolas.

Ou exagero, ou injustiça...

Quando morreu Damas, o país do futebol não parou, como aconteceu na morte de Bento. É lamentável que, em comparação, o grande Vítor Damas não tenha sido homenageado como está a ser Bento.
Em Alvalade, junto dos VIP´s do Sporting, lamentei tal facto. Fui olhado ao contrário e muitos, até, nem compreenderam o que quis dizer. Salva-se que se houver olimpo - e eu não creio -, estão lá os dois a beber um copo e a olhar para a injustiça dos homens com ironia.

sexta-feira, março 23, 2007

Agridam-se com ternura, respeitem-se selvaticamente


«Existe ética e respeito entre os profissionais de futebol. Quando se diz que ‘nos primeiros dois minutos temos de rebentar com ele’ [Cristiano Ronaldo], é mais no sentido de que está ali o jogador mais importante, que pode desequilibrar e decidir o jogo, portanto, ‘temos de pará-lo de qualquer forma’. Mas isto não foi dito de forma agressiva, foi mais no sentido de alertar os companheiros para a força de Portugal, através de Cristiano Ronaldo.»

E acrescentou Sá Pinto: «As pessoas, por vezes, aproveitam esta situações. Não me compete fazer julgamentos, mas penso que existe grande respeito entre profissionais da mesma profissão. Não acredito que qualquer profissional queira, deliberadamente, magoar o outro.»

Sá Pinto, o Pacifista, tentando pôr água na fervura das declarações do guarda-redes belga, in A Bola.

Pois claro que existe grande respeito entre profissionais da mesma profissão. Poi claro que existe ética e respeito entre os profissionais de futebol. E pois claro que só tu não acreditas que qualquer profissional queira, deliberadamente, magoar outro. Deixa-me adivinhar: quando agrediste o seleccionador nacional, fizeste-o na tua condição de crítico literário que não ia à bola com os poemas do Artur Jorge, certo? Estavas no teu direito (acho que não chegaste a acertar-lhe com o esquerdo).

terça-feira, março 20, 2007

Nortadas

MST adoptou um estilo impressivo que irrita, pois parece que está a falar ou a escrever para atrasados mentais. Fala de tudo com o mesmo tom e a má cara usual parece um adjectivo. Opina a metro usando sempre a mesma fórmula (não se trata de auto-plágio, note-se), pouco tendo para acrescentar como se o seu mundo tivesse terminado em 1990. Um caso perdido, presume-se.
Vitor Cunha, Revista Atlântico


Definitivamente, o ridículo tomou conta de MST. Para além de ser o único português a acreditar que o processo Apito Dourado não é mais que uma cabala contra o seu clube, torna-se agora o único a descortinar na arbitragem de Pedro Henriques um culpado para a derrota do Fcp contra o Sporting.
A sua desorientação mental poderia ficar por aqui, mas MST consegue ir ainda mais longe. A certa altura cospe algo como: Só um suicida é que se atreveria a assinalar um penalty decisivo a favor do fcp, no último segundo do jogo.

Alguém foi ao funeral de Paulo Pereira, árbitro do Porto-Atlético da Taça de Portugal?

Jornalismo de investigação

O Record está a investigar a que velocidade ia a bola no autogolo de Ronny no jogo contra a pobreza.

A nova carreira da Carris:

Está em marcha também uma outra carreira que começa na Reboleira e só pára no Marquês.

domingo, março 18, 2007

IIIIIIINNNNNNCCCCCCCHHHHHHHAAAAAAA!



Durante toda a semana eram quatro para ali, cinco para acolá, faixas encomendadas, enfim, um festival de arrogância a que o clube de bairro já nos habituou nos últimos vinte e qualquer coisa anos, mas...

Esqueceram que ao contrário de outros anos, o "polvo" neste momento tem que estar muito quietinho, o jogo tem que ser jogado pelo jogo e as ajudas estão de baixa...

Que se viu? Uma equipa vulgar que vá-se lá saber como está em primeiro lugar desta chamada liga, a ser manietada por um grupo de putos com pêlo na venta, um treinador em aprendizagem a dar um banho táctico a um palerma feito pela imprensa que até aqui mais não faz que lhes prestar vassalagem e os temer...

Melhor em campo? De longe Helton, quando assim é, pouco mais a dizer.

Estava prometida desde o jogo da Taça o ano passado em que o Olarápio se encarregou de arranjar uma expulsão a ferros para levar o jogo a penalties, não é que não tentassem a repetição do "affaire" Atlético ao tentar um penalty no último minuto, o problema, é que ainda que a protegê-los dos cartões para irem à capoeira com a melhor equipa possivel, não se arranjava mais que aquilo, porque a Morgado não dorme e nunca se sabe quem anda ela a escutar...

Provada a minha teoria mais uma vez, sportinguistas e benfiquistas, vão aos arquivos dos últimos 20 anos e vejam quantas vezes acabaram o jogo com 11 na casa dos "Capones", quando a arbitragem é justa tudo o que se vê é a mesma merda que eram há duas décadas atrás, uma equipa vulgar, sem classe e de longe com o pior perder em Portugal (sumarissimos, acabaram? Ou é só para jogarem na capoeira?)

O todo poderoso campeão nacional vergado por Pereirinha, Veloso, Yannick, Moutinho, Caneira, Custódio e Nani, em comum, "apenas" todos feitos na casa.

E para gajos que se dizem sportinguistas e andaram a semana inteira a desejar a derrota do vosso próprio clube só para que as galinhas não cheguem ao titulo, TOMEM VERGONHA NA CARA! Se querem ser filial do clubezeco que quando desce da "D.Luis não vai para casa feliz", mudem de clube e façam-se sócios dos gajos cujo bicho do emblema não existe...

Se o glorias for campeão foi, se o porco for campeão foi, mas neste momento estamos a seis pontos e há vários jogos até ao fim.
Se ganharam ali, também podem ganhar em qualquer lado... E quanto aos amigos galináceos que vão dando hoje palmadinhas nas costas, não esquecer, que o mesmo correctivo vos pode ser aplicado também...

É irrelevante ser cabeçudo enquanto houver hipóteses de ambicionar o titulo, fomos cabeçudos na década de 50 quando um golo de Martins tirou o titulo ao Belem e o deu ao slb e no dia a seguir eles foram em comitiva à nossa sede da Rua do Passadiço agradecer o empenho, tal como há menos tempo atrás o fomos quando ganhámos na capoeira e demos o titulo aos porcos, tal como ainda ha menos tempo atrás, o Mantorras como bom Leão que é, encavou o boabosta e foi o primeiro sportinguista a cantar "Campeões, Campeões...", pondo a cabeça no galinheiro todo...

Cabeçudos todos somos a certa altura, mas sejamos cabeçudos com dignidade.

Por mim falo, espero que o glorias os enrabe para ficar ainda mais perto deles, não perdendo pontos com o Beira Mar...

Sporting sempre!

Fooooda-se!

A besta que treina o Benfica, num acesso de demência, explicando como vai contornar as ausências certas de Luisão e Katsouranis no centro da defesa, e a eventual de David Luiz, in Mais Futebol.

Retiro tudo o que disse no post anterior e engulo todo o meu optimismo. Palpita-me que vamos todos perceber por que é que Pinto da Costa gosta tanto de Fernando Santos.

sábado, março 17, 2007

Que bonito:

Esta imagem resume aquilo que se passou no Dragão: o Sporting atirou o FC Porto ao tapete, mas a coisa desejada não sobra para nenhum dos dois. Adivinhem lá para quem vai sobrar.

sexta-feira, março 16, 2007

Querem mesmo que fiquemos com a taça?

PS – Queria postar sobre o Sporting, mas o assunto (competições europeias) não deu abébias...

Agora chora

Que ele chupa no dedo nos bons momentos, já se sabia. Que se transforma num menino quando se precisa dele seguro e autoritário, tem-se vindo a confirmar (apesar de os mais atentos saberem disso há algum tempo). O choro natalício no aeroporto ganha, cada vez mais, contornos patéticos.

Moretto em vez de Moreira. O Pedro, nosso habitual companheiro de tertúlia, não se cansa de enaltecer aquilo que Moretto mostra de melhor - reflexos, agilidade, porte físico. Não discuto, e até tendo a concordar. Mas acrescentaria que os melhores frangos também são propriedade inalienável dele. Fernando Santos talvez tenha conquistado algum respeito junto dos seus jogadores ao escolher o patinho feio, ainda que com isso tenha arriscado a passagem aos quartos de final (mais um frango, apesar de o nosso menino estar na jogada), e vamos ver o que aí vem nos próximos jogos.

Não compreendo o que passa pela cabeça dos juncos que se lembram de gritar por Moreira a meio do jogo. Mudem de clube, não fazem cá falta nenhuma. Atitude despropositada, independentemente de Moreira não ser tão bom como por vezes se quer fazer passar.

Léo e Katsouranis já estoiraram. Mas Léo tem mais cabeça do que Nelson e vai disfarçando as suas limitações físicas subindo apenas pela certa (ver lance do penalty), e o grego de muletas joga mais do que muita gente a 100%. Tenho para mim que os amarelos escusados que Katso arranjou tanto no campeonato como ontem, e que lhe vão valer 1 jogo de suspensão em cada prova, resultaram da constatação de que Fernando Santos não lhe permitiria descansar de outra forma. Fez bem.

Há uns anos vi uma equipa do engenheiro estoirar fisicamente no último mês/mês e meio, perdendo pontos em cascata e descendo até um lugar que poucas semanas antes não se afigurava possível. A história ameaça repetir-se.

quarta-feira, março 14, 2007

Precoce Cultura Táctica

Esta também não é montagem e aconteceu num dos últimos treinos do Sporting...
Sabemos todos que as crianças têm uma grande capacidade de aprendizagem e é normal os filhos de jogadores seguirem os exemplos dos progenitores (há quem diga que Mourinho desenvolveu o seu jeito para treinar acompanhando os passos do pai).
Os filhos de Marco Caneira não fogem à regra e foi sem surpresa que, atentos às exibições da equipa de futebol e às relações habituais do Sporting com o Futebol Clube do Porto, apresentaram a táctica para o próximo jogo do dragão:
"Nani, Yannick, vamos baixar as calcinhas outra vez?"

Não é montagem!

Image Hosted by ImageShack.us

Por uma participação gratuita no BnR Bet, escreva bons conselhos que Paulo Bento terá confidenciado a Quaresma.
"Fofura, foi uma noite mágica! A partir de hoje ficas o Harry Potter!"
1,2,3 diga lá outra vez!

BnR Bet – Jornada 22



Com o regresso de Mangalho Tombaladeiras, o melhor prémio da blogosfera cifra-se nos 305 euros. Posto isto, posta a tua aposta!

PS – A estreia de e Jou atira o prémio para os 315 euros.

Tabela Classificativa BnR Bet – Jornada 21

Image Hosted by ImageShack.us



  • O jogo começa a aquecer. O líder continua a perder gás, mas ninguém tira muito proveito disso. A concorrência parece ter asas de Ícaro: quando tenta aproximar-se, acaba por malhar com os ossos em lugares indesejados. Foi o que aconteceu ao anterior 3.º classificado, Luciano Rodrigues, que enterrou mais de duas dezenas de pontos em Alvalade e desapareceu do top 10.

  • Rolas mantém assim o 2.º posto, apesar de finalmente ter perdido os 8 pontos que tanto queria perder, e viu aproximar-se Mad*Max.

  • Sir também se armou em Ícaro e passou do solinho do 5.º lugar à cera derretida da penúltima posição.

  • Pior só o abandono de Humanista, Antitripa e Mangalho Tombaladeiras. Mas... será que é tão pior assim? O Mangalho foi visto na secretaria a comprar Viagra e está de novo em pé. E os outros? Quem atira a toalha ao chão? Quem desiste dos mais de 300 euros?

  • Como sempre, penalizamo-nos oferecendo 5 euros a quem primeiro descobrir um involuntário erro nesta tabela.

Uma questão de bolas...


Já sabem as regras: o jogador atingido deve atirar-se para o chão, dar 1 cambalhota, rebolar 3 vezes e gritar a plenos pulmões para confirmar que o árbitro deixa o adversário fora de jogo...

terça-feira, março 13, 2007

domingo, março 11, 2007

DHL

Tomo Sokota foi dispensado pela SAD do F.C. Porto, o jogador já tem contrato por 3 épocas com o Dínamo de Zagreb. Tomo aterrou hoje na capital da Croácia para rubricar o seu novo compromisso, enquanto isso a SAD do Porto já se prontificou a enviar o mais rápido possível o joelho e restantes peças de Sokota que ainda se encontram na enfermaria portista, para que o mesmo possa ter hipótese de passar os testes físicos no seu novo clube.

sexta-feira, março 09, 2007

Sorteio da Briga dos Campeões



Ao mesmo tempo que se realizou o sorteio da Champions, saltaram também em Atenas as bolinhas do sorteio dos quartos-de-final da Briga dos Campeões, com o veredicto exibido na imagem.

Os jogos da 1.ª mão disputam-se com base no lucro inteiro obtido na jornada 23 do campeoanto, ocorrendo a 2.ª mão duas jornadas depois.

As meias-finais também já estão predeterminadas, opondo netlandscape ou gilberto mandamil a sergonov ou josé leal, e h0rvath ou francisco beckenbauer a filipe queirós ou ratogoleador.


Esta competição rende 55 euros ao vencedor + a inscrição na edição 2007/2008 do BnR Bet + defesa do título se houver nova edição da Briga.

Quem não estiver em campo no BnR Bet não tem hipótese de tentar ser feliz, resta-lhe a azelhice do adversário ou as boas graças dos factores de desempate. A menos que regresse, claro.

quinta-feira, março 08, 2007

Do mal o menos

Um resultado normal em Lisboa assegura a passagem. Entenda-se por “normal” aquilo que um Benfica razoável, com mais ou menos jogadores essenciais ausentes, é capaz de fazer frente a um PSG que ladra pouco e morde menos ainda, e que ganhou um jogo sem saber ler nem escrever.

- David Luiz, para a parelha comentadora da RTP, já estava a jogar mal antes de tirar o casaco de fato de treino, mas quem é papado nos lances dos dois golos é Anderson, cada vez mais uma vac… vá lá, um bezerro sagrado.

- a ausência de Katsouranis tem um peso enorme na forma como o jogo se desenrolou; na primeira hora o campo inclinava-se para cada um dos lados em intervalos de 5 minutos (faltou Katso para emprestar consistência e serenar o jogo do Benfica…), e Petit passou boa parte do jogo a expor a incapacidade de iniciar a construção de jogo com lucidez (faltou o critério de Katso…). Karagounis, mesmo jogando relativamente bem, não é Katsouranis nem é Rui Costa: mesmo sendo um jogador sempre útil, a sua inconstância no jogo não é compatível com a responsabilidade que estas duas ausências atiram para os seus ombros.

- é impressionante a sucessão de ausências mais e menos prolongadas por lesão no Benfica. Não é deste mês, nem sequer deste ano, e não se vê fim. E flagela, regra geral, jogadores-chave. Não vejo isto em mais nenhum clube, e azar já não é justificação.

- gostei muito de João Coimbra. Corajoso, constantemente a reclamar a bola para si junto dos companheiros, progredindo com ela dominada e aguentando o confronto físico. Para a próxima vez, engenheiro, dê-lhe dois ou três minutos, se não for pedir demasiado.

- não gostei de Derlei. O virtuosismo nem sempre pode vir ao de cima, concedo, mas garra até o Beto consegue mostrar. Onde anda o jogador que passava 90 minutos a correr atrás da bola e a dar no osso dos defesas?

Estão todos convidados



Que ninguém se sinta excluído das competições europeias.

Arre, lá estão estes gajos a falar do sporteng!

Nos últimos 6 jogos para o campeonato, o Sporting ganhou 1 e empatou 5, fazendo assim 8 pontos em 18 possíveis. Se não me falham as contas, nestes últimos 6 jogos, 10 pontos foram ao ar, o que corresponde a uma percentagem de aproveitamento de 44%. Embora não seja um especialista na matéria, considero que se trata de um aproveitamento pobrezinho, para não dizer medíocre, tendo em conta que tal equipa, talvez algo precipitadamente, se assumiu, imagine-se, como candidata ao título nacional de futebol!

Mas vamos supor, num exercício de pura especulação, que em Leiria o Liedson teria escapado a um merecido vermelho e o Sporting conseguiria aproveitar uma das inúmeras oportunidades que dispôs e, se quisermos ir um pouco mais longe, esse mesmo Liedson teria concretizado com sucesso uma hipotética grande-penalidade. Em vez dos actuais 9 pontos de atraso, seriam “apenas” 7. Muito melhor!

E se recuarmos um pouco mais neste belo exercício de “oh tempo volta para trás, deixa-me marcar aquele golo que não consegui”, será perfeitamente admissível que num qualquer golpe de génio, um dos atacantes do Sporting fosse capaz de violar a baliza da intransponível equipa do Aves. A acontecer assim, lá teríamos os leoninos perfeitamente enquadrados no ataque ao título. Afinal, 5 pontos são mais facilmente recuperáveis que 7.

E já agora, se não for pedir muito, que tal um golinho extra numa das tais deslocações difíceis? No Bessa, em Belém ou em Paços de Ferreira? Não estou bem recordado, mas pelo menos num destes 3 jogos, fizeram para o merecer! Estariam então só a 3 pontos do Porto e à frente do rival Benfica, sem depender de ninguém para chegar ao título!

E depois? Bem... depois só seria necessário ganhar no Dragão - feito só conseguido uma vez nos últimos 30 anos -, sair incólume na deslocação a Braga, não perder muitos pontos na Luz, ganhar em Coimbra, e não desperdiçar muito em Alvalade, com Estrela, Beira-Mar, Marítimo, Naval, Setúbal e Belenenses... E estava encontrado o campeão!

Mas não, as coisas não se passaram assim, e a única coisa que ganharam no domingo passado, além de um reles ponto e um monte de areia para mandar aos olhos de alguém, foi a desculpa ideal para justificar: um atraso irrecuperável para o 1º classificado, uma equipa banal (onde se salvam 3 ou 4 jogadores acima da média), um treinador sem provas dadas e uma direcção cujos protagonistas estarão mais preocupados em angariar património pessoal que títulos colectivos.

E já não falo mais do sporteng...
Bem, a não ser que o Beira-Mar faça "aquela" gracinha.

BnR Bet – Jornada 21

Com um prémio por ora nos 280 euros, faremos a sua actualização à medida que formos tendo novidades, mas, posto isto, posta a tua aposta!

PS – Com o regresso de Ratogoleador (vencedor da 1.ª Taça BnR B), de Sergonov e Boloposte, e ainda com a estreia de Lusos, o prémio fixa-se agora nos 300 euros.

Tabela Classificativa BnR Bet – Jornada 20

Image Hosted by ImageShack.us

  • Jornada implacável para uma boa parte do pelotão, porém simpática para uns poucos.

  • O facto mais relevante é o KO técnico de um dos mais sérios candidatos ao título. Ardinario, com mais de cem pontos, era o único que incomodava verdadeiramente o líder. Picados há algumas jornadas, com mind games e bluffs, o vice-líder esperou até ao último segundo para imitar a aposta de Red Glock, mas com 5 vezes mais intensidade. Saiu-lhe o tiro pela culatra: o líder perdeu 20 pontos, mas viu o perseguidor passar para o último lugar da tabela, preso por um fio de 0,20 milímetros.

  • A dormir na forma, Rolas viu ser-lhe oferecido de mão beijada o 2.º lugar. A sua aposta foi registada muito para além da hora do primeiro jogo da jornada, que é aquela que tranca os palpites. Uma sorte, já que eram 8 pontos que iam pelo cano. Mas não vai dar para dormir muito mais, pois Luciano Rodrigues, renascido das cinzas, fez o melhor lance da jornada e ascendeu à 3.ª posição.

  • Pela negativa, para além da já referida desgraça de Ardinario, nota para a acentuada delapidação do património de O Visconde Era Gay (onde é que eu já ouvi isto?) e para o abandono de uma mão-cheia de concorrentes: Boloposte, Superman Torras, Bakero, Rui A. e Al_Fazema. Quantos voltarão?

  • Estão agora unicamente 35 concorrentes em jogo (assustador, se pensarmos que são 32 que vão à Briga dos Campeões) e apenas 11 estão acima da linha de água. Ou seja, nunca foi tão fácil deitar a mão aos 280 euros que neste momento esperam o campeão.

PS – Tenho a certeza de que o João, que não tem desculpa nenhuma para não ter o sistema automático de cálculos concluído, não se importará de oferecer 5 euricos a quem encontrar um erro nesta tabela.

Briga dos Campeões – Oitavos-de-final – 2.ª Mão

Com atraso de um dia, apresenta-se hoje o quadro de resultados da 2.ª mão dos oitavos-de-final da Briga dos Campeões.

Depois de uma vitória por 5-0, na 1.ª mão, no terreno do adversário, Netlandscape cilindrou em casa O Visconde Era Gay, o único verdadeiro campeão desta briga. Os forasteiros apostaram tudo nesta partida, mas a sorte não quis nada com eles. Os da casa, com uma atitude de "tou-nem-aí", marcaram 20 golos, não sofreram nenhum, e passam à fase seguinte com um total de 25-0.

Não foi neste jogo que Boloposte perdeu a eliminatória. A desvantagem de 10 golos poderia ter sido anulada se a eutanásia não tivesse acontecido com uma jornada de atraso, mas uma competição deste nível não se compadece com faltas de profissionalismo. No segundo jogo, o sinal mais continuou a pertencer a Gilberto Mandamil, que se pode queixar de um golo mal anulado que não desfez o nulo.

Partida dramática para Superman Torras. O nulo da 1.ª mão deixara tudo em aberto. Os visitantes foram os únicos que tentaram ser felizes. Em vantagem numérica, depois de um adversário ter visto muito cedo o vermelho por uma agressão muito contestada por Soares Franco, Superman foi incapaz de chegar ao golo no largo período que faltava para o fim do jogo. O golpe de misericórdia acabou por chegar no desempate por penalties, onde Sergonov foi mais feliz.

Mais um enfadonho 0-0. Paulo "Voz de Comando Catarro", que estreou os novos equipamentos José Leal, tinha tudo para ganhar no tempo regulamentar, mas preferiu passar à fase seguinte graças aos factores de desempate.

De facto, o placard em branco parece ser a tendência desta prova. Quando não é do cu, é das calças. H0rvath tudo fez para inaugurar o marcador, tendo chegado a marcar um golo que o árbitro não validou por indicação do seu fiscal de linha, que lhe disse que a bola não tinha passado totalmente a linha de baliza defendida por João. Valeu a vantagem mínima trazida da 1.ª mão, que deu a passagem aos forasteiros.

Os outros jogos redundaram igualmente em nulos, não merecem que se gaste uma linha com eles. Os vencedores (assinalados a negro no quadro) foram determinados pelas cláusulas de desempate.

Nota-se algum desinteresse dos participantes numa prova que vale mais de 55 euros ao vencedor, pelo que se pergunta: Valerá a pena continuar com esta competição na próxima época?

quarta-feira, março 07, 2007

Esta semana nos jornais...


Mateus regressou ao Gil Vicente devido a hepatite B
Fiuza já comentou: Eh, pá! Tite? O que é isso? Quem é que processamos desta vez?

Valência-Inter: Navarro afinal também sofreu sequelas
Alguma rotura muscular por ter fugido demasiado depressa?

Quaresma: "Se eles têm um grande guarda-redes, nós temos dois"
E não teria sido boa ideia convocar um deles?

Soares Franco: "Vi o lance na TV 5 vezes e não vejo agressão"
Este deve ter o mesmo oftalmologista que o Domingos...

Mantorras em tribunal por carta de condução ilegal
Não sei qual é o mais preocupante, se andar nos últimos anos com uma carta de condução angolana ou ter andado a conduzir este tempo todo sem menisco...

Rossato: "Amarelo por protestos"
E com razão. Então expulsa o Liedson e não marca penalti a favor do Leiria?

Fernando Santos: "A rotatividade no Benfica não tem nenhum sentido"
Quando olhamos para o banco e vemos Beto, Marco Ferreira, Moretto, Paulo Jorge e Mantorras, só podemos concordar consigo, Engenheiro.

Soares Franco: "As mulheres, quando são boas profissionais, são muito melhores que os homens"
E andam a vender o património quando a solução é tão simples? Não há por aí uma mulher boa profissional disponível para presidir um clube "ecléctico"?

Tonel: "Tem faltado o último toque e a estrelinha"
Estrelinha? Isso é a alcunha do Duarte Gomes?

Jaime Pacheco sobre o mau trabalho dos árbitros: "Tenho de pensar em tudo"
Lá vai o solitário neurónio ter trabalho redobrado...

Soares Franco (imparável): "Acredito que os órgãos disciplinares vão funcionar em tempo útil"
Isso não é pedir muito? Agora que os campeonatos de bridge entram na fase decisiva da época...

Deco sobre a eliminação do Barcelona: "Não vamos dar um tiro na cabeça"
Claro que não! Vamos mas é às meninas!

terça-feira, março 06, 2007

eis uma que faz (penso eu...) sentido...

Quem é o Joaquim Rita? Quem é que ele comeu para poder comentar futebol? O Coroado ainda percebo: apesar de parecer ébrio, é lagarto e defende, com unhas e dentes, o seu clube. Mas o Rita não se justifica, ainda que seja lagarto. Reduz, até, o ridículo ao ridículo...

Ponte final

Decididamente, não tens pontinha de sorte ao Stamford Bridge.
Resta-vos torcer pelo PSG.

O clube mais ridículo do mundo

Eis um título de que o Sporting nunca estará arredado.
Agora querem mandar repetir um jogo por causa de um cartão mal mostrado.
A conversa que a seguir transcrevemos é real e foi-nos contada pela leoa empalhada que mora num dos corredores do estádio:
– O que é que podemos fazer para nos cobrirmos ainda mais de ridículo?
Sim, temos de fazer alguma coisa. O Mourinho falou em pessoas só com um neurónio, e nem um elemento desta SAD foi referido.
Que tal um luto pela arbitragem?
Naaa... muito batido. Tem de ser uma coisa em grande. Podíamos protestar um jogo por algo que nunca se tivesse visto.
Tipo quê? Tipo a deslocação de ar provocada por um helicóptero da Cruz Vermelha, que tinha vindo buscar um jogador lesionado, empurrar a bola para dentro da baliza?
Sim, algo desse género, mas mais barato, não temos dinheiro para helicópteros.
Tipo um guarda-redes, sentado dentro da baliza, defender a bola para lá da linha final, e o árbitro não assinalar o golo?
Não, isso já aconteceu e não deu em nada.
Tipo um avançado, encavalitado no lombo de um defesa, forçá-lo a marcar um autogolo, e não só considerarem a jogada legal como, ainda, atribuírem o golo ao avançado?
Não, isso é impossível de acontecer.
Tipo um jogador dar um estaladão a outro e ver apenas um amarelo?
Não, nunca tivemos essa sorte. Estava a pensar em protestarmos um jogo por causa de um cartão mal mostrado.
Genial! Isso nunca aconteceu! Quer dizer, está sempre a acontecer, mas nunca ninguém se lembrou de mandar repetir um jogo por causa disso!
Sim, se fizermos isso, o título do post deste anormal já não nos foge.

segunda-feira, março 05, 2007

Ininteligível

Criticarem os Super Morcões por não respeitarem a memória de Manuel Bento, é o mesmo que criticarem um macaco por gostar de banana. Não percebo.
Até porque um dos grandes elogios à memória do Manel é essa onda de verborreia que saiu do sector ultra das Antas...
Quanto ao Bento, o grande Bento, guardo as minhas recordações num baú. Até aquele penalti que o desafiei para defender e que, com um grande sorriso, me foi negado. Talvez porque não quis que eu fosse o Bento a vida toda, já que o Maradona estava ali à mão... Limitei-me a falhar os Olivais, preferindo a Vila das Aves, onde o Bento, como todos os outros, jogou, sempre e como sempre, com a roda a rir-se do olhar da águia.
Só é triste que, na hora da morte, não se tenha feito a devida justiça, chamando por filhos da puta aqueles que, por causa de Saltillo, arrumaram com a sua vida no pós jogador. Vá lá que sabemos os nomes... Só é pena que o Manel, como muitos sabem, tenha morrido amargurado. Mesmo com alguns daqueles que defendeu, no México, como defendia as balizas do seu clube.
Não percebo, por fim, porque é que determinada pessoa, que treinou o Manel, treinou com o Manel e que era amigo do Manel, não se deslocou ao Barreiro, homenageando-o com a sua presença. Não percebo e dir-lh-ei na cara. Até porque não é um filho da puta qualquer...

quinta-feira, março 01, 2007

MANUEL GALRINHO BENTO



Lembro-me do Bento dos Mil e tal minutos sem sofrer golos! Lembro-me do Bento da última equipa maravilha do slb (na minha modesta opiniao), na qual constavam, ele, o alves, o shéu, o carlos manuel e do Lajos Baroti ....enfim! Lembro-me da dedicaçao e amor que sempre teve pelo seu clube! Lembro-me da sua rivalidade com Damas!
Descanse em paz e obrigado pelos momentos exibicionais que reforçaram a minha paixão pelo desporto rei! Condelências à familia e aos BENFIQUISTAS!

BnR Bet – Jornada 20


Com o regresso de O Visconde Era Gay (na última jornada) e de Insurrecto (nesta), o prémio sobe aos 280 euros. Só com uma dúzia de concorrentes para ultrapassar, vais deixar que fique o Red Glock com a massa?
Posto isto, posta a tua aposta!